• Bancos
  • Fintech
  • Varejo

Score de crédito: o que é, para que serve e alternativas para fazer a análise de crédito

Camila Silva
  • 23 de julho de 2020
  • 6 min de leitura

Para que a inadimplência em um negócio seja reduzida, existe a necessidade de implementar estratégias eficazes que contribuem nesse sentido. O score de crédito é uma delas,  pois permitirá análises precisas para identificar se o cliente tem credibilidade ou não no mercado. Dessa forma, os riscos de ele não assumir com os compromissos firmados e de trazer prejuízos para a empresa diminuem consideravelmente, contribuindo para uma vantagem competitiva no mercado.

Pensando nisso, elaboramos este conteúdo para que você saiba o que é score de crédito, quando ele é considerado positivo, além de conferir as vantagens de adotar essa análise para os resultados de sua empresa. Continue a leitura e saiba mais!

O que é score de crédito?

Conforme abordado, para diminuir os riscos de inadimplência, estratégias de verificação devem ser adotadas para conferir a credibilidade transmitida pelo cliente. Por meio do score de crédito, você terá a oportunidade de verificar o nível de segurança antes de fechar o negócio.

Disponível para consulta online por meio do Serasa, ele traz os resultados dos hábitos de pagamento de um cidadão. Ou seja, quanto mais elevado for, melhor será a saúde financeira do cliente. Para isso, é fornecida uma pontuação de 0 a 1000, formada a partir de informações em banco de dados das próprias empresas que realizam a análise de crédito.

Alguns pontos são analisados para chegar a esse valor,  como o pagamento das contas em dia, o histórico de dívidas, além do relacionamento financeiro com o mercado.

Quando considerar que o cliente tem um score alto?

Mas afinal, qual o valor é considerado positivo para o cliente? Assim como em qualquer outro tipo de pontuação, quanto mais próximo estiver do valor total, melhor será a saúde financeira. No entanto, algumas diretrizes são utilizadas para a análise, como:

  • score baixo: entre 0 e 300 pontos;
  • score médio: entre 300 e 700;
  • score alto: acima de 700.

Para chegar a esse resultado, o Serasa analisa o histórico por completo do consumidor. Entre as informações verificadas, destaca-se a presença de negativação no CPF daquela pessoa ou dívidas que estejam em aberto.

Deve-se destacar, ainda, o fato de que essas informações variam de acordo com as negociações do cliente. Caso ele quite suas dívidas e tenha um planejamento financeiro positivo a partir de determinado momento, consequentemente sua pontuação vai aumentar, o que abre margens para fechar negócios promissores.

Como utilizar o score de crédito em seu negócio?

Especialmente em períodos mais desafiadores, o nível de inadimplência dos clientes cresce consideravelmente. Por essa razão, torna-se necessário adotar ações eficazes antes de fechar um acordo, com o objetivo de trazer segurança para o negócio, contribuir para uma gestão de riscos mais eficaz, além de possibilitar projeções financeiras mais detalhadas —  afinal, com um número alto de devedores, o planejamento anual pode ser comprometido.

Dessa forma, as informações do score de crédito contribuirão não apenas para filtrar os clientes que estejam em dia com os seus compromissos, como também trará insumos para definir linhas de crédito, desenvolver parcerias e elaborar limites para produtos e serviços.

Quais as vantagens de utilizar o score de crédito?

Agora que você já sabe o que é e como utilizar o score de crédito, chegou o momento de explicarmos quais são as vantagens de adotá-lo. Entenda!

Mais segurança

É fundamental fechar negócios que ofereçam segurança para a empresa, concorda? Assim, será possível formular estratégias a longo prazo, definir investimentos para o desenvolvimento do negócio, além de estudar medidas de aperfeiçoamento mais precisas. Dessa forma, ao entender sobre o score de crédito, você reduzirá os riscos de inadimplência,  o que permitirá uma tomada de decisão mais efetiva para a organização.

Melhor compreensão dos riscos

Entre as vantagens de fazer uma gestão de riscos efetiva, ressaltamos a minimização da ocorrência de prejuízos e problemas, a redução de perdas, além de aumentar as chances de as metas pré-estabelecidas serem alcançadas com êxito. Outro diferencial está voltado à vantagem competitiva, uma vez que as estratégias elaboradas poderão ser aplicadas para o aprimoramento de seus serviços.

Monitoramento de resultados

Seja qual for a estratégia adotada, existe a necessidade de analisar continuamente os resultados para que haja planos de ação visando trazer melhorias ao negócio. Nesse sentido, ao contar com uma projeção mais precisa de seus números, a equipe terá condições de trazer relatórios e indicadores de acordo com a realidade da empresa.

Como consultar o score de crédito do cliente?

Conforme explicado, o score de crédito é definido a partir de um conjunto de fatores que avaliam os hábitos financeiros de um cliente. A verificação pode ser feita tanto por meio do site do Serasa Empresas quanto no canal da Boa Vista Serviços, bem como nas ferramentas do SPC Brasil. Para isso, é preciso portar o CPF ou CNPJ de clientes, o que permitirá ainda verificar dados cadastrais, históricos de consultas e também informações restritivas.

Existem quatro tipos de consultas, que explicaremos a seguir.

Confirmação cadastral

A análise da veracidade dos dados é fundamental antes de qualquer negociação. Assim, é possível verificar a confirmação do cadastro físico ou jurídico, além de analisar qual é a faixa do poder aquisitivo e o faturamento presumido.

Identificador de dívidas

Nesse cenário, você identificará se os dados do cliente terão alguma pendência financeira, além de analisar a situação do cadastro junto à Receita Federal.

Consulta intermediária

Tanto para pessoa física quanto para pessoa jurídica, há a possibilidade de verificar as dívidas que o cadastro tem, além de verificar se consta cheques devolvidos em seu histórico.

Consulta completa

Nesse caso, há informações completas sobre o CPF ou o CNPJ, o que contribui para definir as linhas de crédito e também para trazer mais segurança antes de fechar um negócio.

Como auxiliar o cliente a melhorar o score de crédito?

Hoje, destaca-se as empresas que oferecem um bom atendimento ao seu cliente. Por essa razão, ao identificar que o consumidor não conta com um score de crédito positivo para dar prosseguimento às negociações, a organização sairá na frente ao trazer informações relevantes para que ele melhore a situação e possa retornar o contato assim que a sua situação for regularizada.

Entre as orientações a serem transmitidas, destaca-se:

  • a necessidade de fazer um planejamento financeiro preciso, de modo que entenda quais são as suas finanças mensais e como contornar as dívidas com o orçamento;
  • elaborar estratégias para limpar o nome junto aos órgãos de crédito;
  • ter contas em seu próprio nome e pagá-las em dia para que o compromisso seja percebido pelo Serasa;
  • ter dados atualizados;
  • entrar em contato com as empresas credoras para negociar as dívidas;
  • utilizar cartões de crédito com menor frequência;
  • manter bom relacionamento com instituições financeiras.

Como tornar a estratégia ainda mais eficaz para a sua empresa?

Apesar de o score de crédito oferecer dados e informações precisas para que você verifique a saúde financeira do cliente, ele não pode ser utilizado de forma isolada. A seguir, selecionamos algumas dicas para que você garanta ainda mais segurança ao negócio.

Tenha uma política de crédito

Conforme explicamos, o score de crédito é definido a partir de dados e informações padronizadas. Sendo assim, é preciso utilizar outros meios de análise para que haja uma avaliação mais eficaz do cliente. Contar com uma política de crédito, por exemplo, contribuirá para que o relacionamento com o público seja mais promissor, justamente por oferecer regras e informações claras antes de negar ou conceder seus produtos e serviços.

Para isso, o ideal é que você conheça inicialmente a realidade de seu negócio. Afinal, não existe um conceito específico de política eficaz, mas sim aqueles que se adaptam de acordo com as necessidades da empresa. Utilize, ainda, os 5 Cs do crédito (caráter, capacidade, capital, condições e colateral), além de montar um manual que sirva de base para ser utilizado em todas as negociações.

Para a implementação, analise continuamente os resultados obtidos, de modo que haja aperfeiçoamento de sua política sempre que houver a identificação de melhorias.

Analise o histórico do cliente

Sabe-se que o score de crédito visa trazer um histórico sobre o cliente e o seu comportamento financeiro. No entanto, também é indicado que o negócio conte com ferramentas próprias para essa análise, permitindo um estudo de como o consumidor se comporta perante os seus débitos.

Conheça a situação financeira do cliente

Antes de conceder uma linha de crédito, é preciso levar em consideração não apenas o seu comportamento financeiro, como também a sua capacidade econômica. Assim, de acordo com a sua condição atual, é possível verificar qual seria o produto mais indicado para que ele arque com os compromissos firmados.

Mantenha os cadastros atualizados

Da mesma forma que o score de crédito muda continuamente, a situação do cliente perante outras análises também sofre alterações. Por essa razão, estimule-o a manter o cadastro atualizado, contribuindo para que a parceria seja renovada sempre que possível.

Neste conteúdo, você pôde entender o que é score de crédito, quais as vantagens de utilizá-lo em uma análise, além de dicas de como aperfeiçoar essa etapa da negociação. Conforme explicado, é essencial contar com ferramentas que permitam uma avaliação mais precisa, pois trará segurança para o negócio e também possibilidades para o crescimento da empresa.

Deseja conhecer soluções que permitem esse ganho? Acesse o nosso site e conheça o AcessoBio, além de verificar como ele pode contribuir para o seu negócio.

Artigos relacionados